A Casa Viva faz aniversário de 6 meses Já aconteceu tanta coisa nesse período, ele foi tão intenso para nós e nossos alunos, que precisamos comemorar!

0

Ontem, dia 26 de fevereiro, A Casa Viva completou seus primeiros seis meses de funcionamento. Mal dá para acreditar que 180 dias se passaram desde que eu e minhas sócias amadas, a Stella Rangel, a Fabíola Prado e a Ivana Portella, abrimos a porta dessa casa de 800 m², na Lagoa Rodrigo de Freitas, para receber as dezenas de pessoas que aguardavam na rua o horário da inauguração. Foi lindo!

E continua sendo.

Desde então, muita gente interessada em aprender sobre organização já passou por aqui. Não só pessoas do Rio de Janeiro, cidade onde estamos, mas de todo o Brasil, o que gera uma sensacional troca de experiências.

O nosso curso principal, oferecido uma vez por mês, é o de “Capacitação para Personal Organizer”. O programa percorre todos os ambientes domésticos, aproveitando que A Casa Viva é uma casa real: tem salas, quartos, closet, banheiros, cozinha, home office, lavanderia e área de lazer externa, todos decorados e equipados. O treinamento dura um fim de semana inteiro e inclui uma verdadeira experiência gastronômica, porque todas as refeições – café da manhã, almoço e coffee da tarde – são elaboradas pela chef Francine Xavier, que faz uma comida maravilhosa! A proposta dela é trabalhar com uma cozinha sustentável, utilizando ingredientes não industrializados, de pequenos produtores da região.

Turma de novembro do curso “Capacitação para Personal Organizer”, comigo e com a Ivana.

A gente já teve seis turmas do curso de personal organizer, todas lotadas. Entre os participantes, 90% estão em busca de uma nova capacitação profissional, ou porque se aposentaram e desejam recomeçar em outra área ou porque estão insatisfeitos com o trabalho atual e querem transformar o gosto pela organização em profissão.  

Até agora, entre 120 e 140 alunos foram formados por mim e pela Ivana e certificados pel’A Casa Viva para atuar como personal organizers. Essas pessoas saem daqui certas de terem vivido um processo de transformação que supera a questão profissional – basta ver os depoimentos que acompanham este post, apenas alguns dos muitos que gravamos. Os alunos entendem que a mudança precisa vir de dentro para fora e que a organização da casa ou do escritório é uma consequência da organização dos pensamentos e das emoções. E isso é exatamente o que a gente queria quando idealizou A Casa Viva.

Ivana e o grupo do curso “Planejamento da Mudança”.

Mas, além desse treinamento principal sobre o qual já falei demais, houve outros, como “Rotinas Domésticas”, “Planejamento da Mudança”, “Tarefas Domésticas” e “Universo Infantil”, que trata da organização da vida da criança desde o nascimento até os 8 anos de idade. Teve até um curso de organização financeira ministrado por uma corretora de investimentos! E, no fim do ano passado, a gente ainda promoveu três workshops pontuais sobre o preparo de comidinhas de Natal e a confecção de guirlandas.

Turma do curso “Rotinas Domésticas” com a Ivana.

Todas as ideias têm dado tão certo que nos estimulam a inventar coisas novas. Inventar e colocar em prática. Mas como eu não gosto de ficar antecipando os planos, só digo isso: teremos muitas novidades em 2018! Me acompanhe aqui e nas minhas redes sociais e você descobrirá o que vem por aí!

Beijos,
Mica, Stella, Ivana e Fabíola ♥

A Casa Viva: estreia emocionante! O Rio de Janeiro já tem o seu endereço da organização, uma casa montada com o auxílio de parceiros incríveis e inaugurada sob as bênçãos de um céu azul como nunca!

2
Imagem do corcovado Rio de Janeiro

Entrada e fachada em parede viva da casa viva

No dia 26 de agosto de 2017, um sábado ensolarado na Cidade Maravilhosa, nasceu A Casa Viva. Linda e saudável, medindo 800 m². Filha de quatro mães – eu, a Stella Rangel, a Fabíola Prado e a Ivana Portella. E apadrinhada por não sei quantas pessoas queridas e empresa. A Casa Viva veio ao mundo com uma missão clara: ser um polo de geração de conteúdo sobre organização.

lançamento da casa viva

E o nascimento foi repleto de emoção! Às 11 horas em ponto – porque pontualidade tem tudo a ver com organização –, quem aguardava do lado de fora teve acesso ao nosso jardim. Todos contemplaram, pela primeira vez, a logomarca d’A Casa Viva, exposta em uma parede viva. Eu fiquei na área da piscina, recebendo os convidados e autografando meu livro.

área da piscina da casa viva

E então abrimos as portas da casa! Foi uma emoção sem tamanho ver todo mundo entrando enquanto um DJ tocava “A Casa é Sua”, do Arnaldo Antunes. Como eu havia prometido, teve coquetel com espumante, água saborizada, cafés e, é claro, o bolo do amor da vovó Risoleta.

Bolo do amor da Vovó Risoleta

E então as pessoas começaram a circular pelo espaço. Descobrindo, aos poucos, os muitos detalhes de organização e decoração. O primeiro ambiente visitado foi o quarto de casal, montado com a linha de móveis Setorize, desenvolvida por mim em parceria com o Estúdio Baobá e a Meu Móvel de Madeira, que produz e vende as peças.  Quer conhecer a Linha Setorize? Clique aqui

quarto de casal com a linha setorize

Não tenho como expressar meu agradecimento ao Ronald Heinrichs, CEO da Meu Móvel de Madeira, que forneceu todo o mobiliário usado nas salas, no quarto infantil, no closet, no escritório, na varanda, enfim, na casa inteira.

sala de estar em tons de azul quarto infantil montessoriano

Depois, quando o talkshow com o Peter Walsh ia começar, foi uma satisfação observar toda aquela gente à vontade! Todo mundo se esparramando pelo chão, ocupando os pufes, sofás e poltronas para ouvir sobre nossas experiências como personal organizers, o Peter lá nos Estados Unidos e eu aqui. E ninguém ficou de fora dessa conversa descontraída, pois tivemos tradução simultânea!

Stella Rangel, Ivana Portella, Micaela Góes, Fabiola Prado, socias dA Casa Viva com Peter Walsh talk show com peter walsh

Tudo deu muito certo! E olha que repetimos a dose às 16 horas, quando recebemos a segunda turma inscrita para o evento. Quem definiu bem foi a Stella, que disse assim: “Estava um dia lindíssimo, com o sol brilhando e deixando tudo com muitas cores, muito brilho, muita luz e muita energia positiva, com o Cristo Redentor de braços abertos abençoando a gente”. Ela estava inspirada, não?Vista de uma das janelas da casa viva

Além de ouvir várias pessoas querendo se matricular em nossos cursos e até trabalhar aqui, sabe o que quase nos matou de orgulho? Foi a turma comentar que a organização no Brasil passou a ter um antes e depois da Casa Viva. Ah, demais!

Ainda bem que filmamos e fotografamos tudo, porque eu quero reviver esses momentos muitas vezes. Momentos que contaram com a contribuição de cada um dos padrinhos e madrinhas da Casa Viva, um time grande a quem agradecerei sempre, começando agora:

Meu Móvel de Madeira, Altenburg, Estúdio Noz, Falmec, Organizzata, 3M, Coza, Plasútil, Companhia dos Cabides, Arthi, Labluz, All Fabricar, CEG, Eucatex, Auxílio Luxuoso, Mio Mundo, Cris Roberto, Nair Rangel, Daisy Xavier, Estúdio Grabowsky, Squarefoot, Ayla, Mercado das Pulgas, Kilim Tapetes, Casa 6D, Estúdio Baobá, Grito Design, Denise Delalamo, Go Coach, Daniel Kullock e Queen Filmes – muitíssimo obrigada!

E quando é que eu terei o prazer de te receber na nossa Casa Viva? Vem me visitar, vem! Enquanto isso, espia só essas fotos lindas d’A Casa Viva:

sala de jantar com duas mesas grandes postas lado a lado quarto de casal com biombo para fotos sala de jantar com mesa redonda e estantes de livros estantes com pastas organizadoras coloridas Closet da da casa viva quarto de casal grande com cama com gavetas

Fotos: DKE Fotografia e Equipe Micaela Góes

Peter Walsh: Encontro do tipo quero mais! Foi assim o bate-papo com o Peter Walsh em São Paulo. E no próximo sábado tem de novo, no Rio.

0
Micaela Góes entrevistando Peter Walsh

Micaela Góes e Peter Walsh

Um dos meus compromissos durante as conferências Personal Organizer Brasil e Organiza Brasil, que aconteceram na capital paulista nos dias 18 e 19 de agosto, foi um painel com um grande amigo! Ninguém mais, ninguém menos, que Peter Walsh. Uma fera do mundo da organização nos Estados Unidos. Para quem não lembra, o Peter participou por anos a fio do Oprah Winfrey Show e hoje continua marcando presença em programas de TV, rádio e internet.

A ideia do painel, que foi mediado pelo José Luiz Cunha, da OZ – Organize a sua Vida, era que eu e o Peter compartilhássemos com a plateia de personal organizers, experiências vividas na relação com os clientes. Afinal, essas experiências sempre ensinam muito a quem está começando na profissão e também àqueles que já estão trilhando esse caminho. Eu mesma continuo aprendendo.

E como eu e o Peter tínhamos casos para contar! Uma coisa ficou clara para quem nos ouviu. Quando a gente entra na casa de uma pessoa para organizar um ambiente, a gente também acaba dando uma de psicólogo, mediador, amigo. Porque a casa sempre reflete o estado emocional de quem vive nela, as inquietações pessoais, os conflitos com a família. E aí? Como é que um personal organizer se vira nessa saia justa?

Mas, falando assim, parece até que essa profissão só oferece situações dramáticas – e isso está longe de ser verdade. A gente também encontra clientes engraçados, dá risadas e depois faz os outros rirem, como eu e o Peter fizemos nesse encontro em São Paulo.

E vamos repetir a dose no próximo sábado, dia 26, dessa vez na minha cidade querida, o Rio de Janeiro. O bate-papo com o Peter vai acontecer na inauguração da Casa Viva, um endereço que eu, a Ivana Portella, a Fabíola Prado e a Stella Rangel montamos para compartilhar com personal organizers e outros interessados tudo o que sabemos sobre organização.

Nossos cursos começam na segunda quinzena de setembro e são vários, mas você só tem mais essa chance de usufruir da experiência do Peter, porque em seguida ele volta aos Estados Unidos. Não perca!

Ficou interessado?
Para saber mais e fazer a sua inscrição para o talkshow com Peter Walsh, no dia 26 de agosto, acesse aqui

Beijo,
Mica ♥