Receitas da Vovó: Pão de Ló Tem receita com mais cara de vó que a receita de pão de ló?

0

Hoje, a receita que a Vovó Risoleta compartilha com a gente é da amiga Laura Octavio. O pão de ló é uma receita prática e super democrática: como massa para bolo de aniversário e até como aquele bolinho seco com chá no meio da tarde.

Mas, chega de papo: vamos botar a mão na massa?

Ingredientes

5 gemas;
8 colheres de sopa de água;
2 xícaras de açúcar;
2 xícaras de farinha de trigo;
1 colher de sobremesa de fermento

Modo de Fazer

  1. Bata as gemas com a água até ficarem bem crescidas. Junte o açúcar e a farinha de trigo peneirada com o fermento. Em seguida, junte as claras em neve;
  2. Unte a forma com papel manteiga salpicado de água e polvilhado com açúcar.

E aí, será que ficou bom? Conta pra gente nos comentários!

Beijos,
Mica e Vovó ♥

Como organizar a mudança de endereço – parte 1 O primeiro post desta série aponta tudo o que é preciso fazer nos 30 dias anteriores à mudança.

0
caixa de mudança

Não importa se você está indo para outra cidade ou para outra vizinhança – mudar de endereço é sempre uma experiência empolgante, pois simboliza o início de uma nova etapa. A única parte chata é, bem, a mudança em si. Caixas por todos os lados, gastos que parecem não ter fim, um milhão de providências para tomar… Caos!

caixa de mudança

Foto: Freeimages/Melissa Balkon

Calma, respire. Mantendo o foco e a organização, dá para minimizar a confusão. Tudo começa cerca de um mês antes do dia D, com um bom planejamento.

Medir é preciso

pessoas medindo parede de casaFoto: Lordn/iStock 821849088

É então que a trena se torna sua companheira inseparável! Use-a para tirar as medidas dos maiores itens que tiver em casa: cama, sofá, mesa, estante e outros móveis, bem como geladeira, máquina de lavar roupa e outros eletrodomésticos. No endereço novo, meça cada um dos cômodos – a ideia é verificar se tudo vai caber. Para ter uma noção de como distribuir o mobiliário nos novos espaços, confira as dicas da jornalista Cristiane Teixeira, minha colega no blog Minha Casa Minha Cara.

Também é imprescindível medir portas, corredores, elevadores (principalmente o de serviço) e escadas de ambos os imóveis: assim você evita surpresas desagradáveis no momento da mudança, como descobrir que o estofado não passa pela entrada. Com todos esses dados em mãos, você pode antecipar a desmontagem dos pés da mesa de jantar, por exemplo. Ou, ainda, doar ou vender aquilo que realmente não tiver lugar no futuro endereço.

Checagem das instalações

torneira de pia

Foto: Freeimages/Angel Norris

Na nova moradia, teste interruptores, tomadas, portas, janelas, armários, gavetas, torneiras, vasos sanitários e aquecedores de água. Se for o caso, contrate um profissional – como um eletricista, para dar uma olhada na fiação – e, então, providencie os reparos. Em imóveis alugados, essa vistoria é de praxe e costuma ser feita pela imobiliária ou pelo proprietário. Você pode acompanhá-la pessoalmente ou pedir uma cópia do relatório. Seja como for, não deixe de fazer sua própria avaliação – tire fotos e reclame caso encontre algo que funcionando mal.

Por falar em imóvel alugado, se estiver saindo de um, combine com o proprietário as condições em que você irá entregá-lo. Se necessário, inclua gastos com reparos e pintura na sua planilha – ah, sim, você precisa montar uma para organizar o orçamento.

Transfira a assinatura de revistas mensais nesse momento e liste todas as empresas que precisam ser avisadas da mudança de endereço, como fornecedores de água, luz e gás, bancos e provedores de serviços de TV a cabo, internet e telefone.

Tudo certo até aqui? Então aguarde o próximo post: ele será sobre botar a mão na massa para preparar o grande dia! Mas se não aguenta de ansiedade, veja aqui um checklist para quem está fazendo a primeira mudança! 

Beijos,
Mica ♥

Aprenda a usar as facas Você sabe como utilizá-las para que elas durem muito? Não?! Então, este post é para você!

0
mulher cortando legumes com facas

Tábuas de vidro são fáceis de lavar e não ficam com cheiro. Mas têm um grande defeito: acabam com o fio das facas. Por isso, a fim de preservar suas grandes aliadas na cozinha, prefira as tábuas de madeira, bambu ou polietileno. Como são mais macias que o material das facas (inox, aço carbono ou cerâmica), elas é que vão levar a pior na hora de se fatiar qualquer coisa.

E agora você já deve ter adivinhado o que mais não deve fazer, né? Isso mesmo: está proibido cortar ingredientes diretamente sobre a bancada de mármore ou granito! E se ela for de aço, também, pois logo a superfície ficará cheia de horríveis arranhões.

mulher cortando legumes com facas

Foto: CentrallTAlliance/iStock – 166427858

Outro cuidado elementar, meu caro Watson, é escolher facas apropriadas para cada função: você vai acabar estragando a sua faca de sashimi se usá-la para cortar uma carne com osso.

Básico, também, é lavar as facas logo após o uso, esfregando-as com o lado macio da esponja para não arranhar a lâmina nem prejudicar o corte. Seque-as em seguida para impedir manchas e, no caso específico das facas fabricadas em aço carbono, oxidação. Os modelos de cerâmica não oferecem essas desvantagens, mas, por outro lado, sendo pouco flexíveis, quebram mais facilmente.

homem afiando faca

Foto: FotoCuisinette/iStock – 637145156

Em um post anterior, eu já expliquei que a durabilidade do fio das facas depende bastante de como elas são guardadas. Mas, mais cedo ou mais tarde, elas precisarão ser afiadas, e aí você pode usar o método que preferir: pedras para amolar, afiadores (manual ou elétrico) ou chairas – aquele bastão metálico que os churrasqueiros sempre usam. Seja qual for a ferramenta eleita, tome muito cuidado para não se cortar nem durante o processo nem depois, quando sua faca estiver tinindo de afiada!

E por hoje eu encerro o assunto. Até o próximo post!

Beijos,
Mica ♥

Receitas da Vovó: Empadão de Queijo Uma receita prática que agrada a todos!

2
receita de empadão de queijo da vovó risoleta

Quem não gosta de empadão?! A gente já aprendeu a fazer uma empadinha de queijo supimpa e hoje, minha maravilhosa Vovó Risoleta ensina a receita de um empadão de queijo cremoso e que dá água na boca!

Vamos anotar?

Ingredientes – Massa

1/2 quilo de farinha de trigo;
1 tablete e 1/2 de Claybom;
4 gemas;
2 colheres de sopa de óleo;
1 pitada de sal

Ingredientes – Recheio

1 xícara de leite;
4 claras batidas em neve;
2 ovos inteiros;
250 gramas de queijo parmesão

Modo de Fazer

  1. Massa: Junte todos os ingredientes, trabalhando bem com as mãos. A massa deve ficar bem úmida;
  2. Recheio: Bata os ingredientes no liquidificador e incorpore, suavemente, as claras em neve;
  3. Montagem: Forre uma forma de abrir (forma com fundo falso), coloque o recheio e leve para assar em forno médio.

Hm… Tá sentindo o cheirinho já do empadão de queijo no forno?! Então conta pra gente o que você achou da receita!

Beijos,
Mica e Vovó ♥